Páginas

quinta-feira, 20 de setembro de 2012

Poderia ter sido diferente?

Eu fui o que quis ser
Fui um idiota
Poderia ter o que quisesse
Mas preferi escolher o inalcançável
Porem não me arrependo de tentar
Só queria me libertar
Sair do posso sem fim que me joguei
Acordar do sonho que acabou
E por fim um pesadelo que aprisiona
Sim, poderia ter sido diferente
Mas acho iria me arrepender pelo resto da vida
Agora só quero liberdade

Nenhum comentário:

Postar um comentário