Páginas

sábado, 29 de outubro de 2011

132

E eu ainda estou aqui
Com os olhos fechados para ti ver
Mais nem em sonhos você já não esta
E eu ainda estou aqui
Estagnado na esperança morta
Onde até as lembranças se apagam
 
E nos anseios que me atormentam
Os surtos de te ver quando menos espero
Aonde você não esta
E nos anseios que me atormentam
É a loucura que me perco
Vagante sem rumo não tem destino certo

Nenhum comentário:

Postar um comentário