Páginas

domingo, 21 de agosto de 2011

22

Resolva, você sabe o que tem que fazer
Por que não reage, levanta-te
Covarde, enfrente a vida
Quanto mais fraco ficar, mais apanhará
O tempo acabo a muito tempo, mais ainda a tempo
Nada fazer, nada resolve
Olhe a ti mesmo que situação deplorável
Volte a ser quem era
O que vem, vai
O que vai, volta
Tire o pé do chão
Não lute, apenas vença
Já sentiu pena demais de si mesmo
Para ter paz, tem que ter guerra
Eu sou você, conte comigo
Não desconfie dos outros
Apenas não acredite em ninguém
A guerra é impossível vencer, mais a vitoria é certa

Nenhum comentário:

Postar um comentário